****************************************************************

MINHAS CONSULTORIAS VIRTUAIS ESTÃO COM TAXAS SUPER BAIXAS. 

PARA CONSULTAS. MANDE WHATSAPP PARA (11)97227.7471 OU arilopes@alphapremiumconsultoria.com.br

***************************************************************


Recebi varias consultas a respeito de como calcular o ponto de Equilíbrio por Produto.

Sinceramente para mim isso não serve para nada.

O Ponto de Equilíbrio é válido para a empresa como um todo ou até mesmo para uma Unidade de Negócio da Empresa.
Mas calcular o ponto de equilíbrio por produto me parece que não serve para nada, Ou, pior ainda, serve para atrapalhar.

Uma das características do ponto de equilíbrio de uma empresa é o fato dele não precisar de qualquer dose de arbitrariedade que normalmente é resultante de rateios dos custos fixos. Uma vez que o custo fixo é global de uma empresa ou de uma unidade de negócio. Logo para se calcular o custo fixo de um produto seria necessário ratear custos fixos. Assim se um produto ficar abaixo do ponto de equilíbrio basta mudar o critério de rateio e atribuir menos custos fixos a esse produto.

A nível de produto um bom conceito é a margem bruta gerada pelo produto que corresponde às Receitas Líquidas deduzidas de todos os custos dos produtos onde se inclui:

- Custos Totais de Produção
- Custos com embalagens para expedição, pallets e outras embalagens acessórias
- Fretes e Armazenagem
- Comissões 
-Verbas de Marketing, Promoções, Bonificações, etc
- Outros custos proporcionais de vendas

Pois bem a Margem que sobra em valores e porcentagens é o que interessa. Essa margem é o que sobrará para cobrir os demais custos ou despesas que não estão associados diretamente ao produto.

Suponha que esses Custos e Despesas seja da ordem de 15%. Em tese, a margem gerada pelo produto a partir de 15% estará contribuindo para a geração de lucro. Mas o produto, a partir de qualquer margem positiva já está contribuindo para a cobertura de custos e despesas fixos.

Outro conceito que pode ser usado é o da margem de contribuição que considera as Receitas Líquidas deduzidas de todos os custos variáveis. 

Vejam também:

CONTROLADORIA

Controladoria até na Padaria

SISTEMAS DE CONTROLE DE CUSTOS EM EMPRESAS DE CONSUMO
Sistema de Custos - Implantação e Gerenciamento
Sistema de Custos Standard 
Sistema de Custos Standard - Variações de Custos
Sistemas de Custos em Empresas de Consumo
Sistemas de Custos em Empresas Metalurgicas
Sistemas de Custos Kaizen
A defasagem dos Sistemas de Custos
Gestão Estratégica de Custos
Acitivity Based Costing / Custos Baseados em Atividades
Sistemas de Custos ultrapassados
A gestão de Preços e os Sistemas de Custos 
Contabilidade de Custos / Sistemas RKW
Custos da Qualidade