Project Accounting – Contabilidade de Projetos


 

Project Accounting é um assunto pouco abordado na literatura brasileira. Pelo menos com enfoque mais prático e menos acadêmico.

Esta postagem atende a algumas solicitações e questões que me foram efetuadas.

Efetivamente projetos precisam ter um bom controle e uma boa contabilidade, sem o que corre-se o risco de perder o controle sobre os gastos e sobre o andamento do projeto, além de podermos incorrer em contabilizações deficientes.

Empresas bem gerenciadas fazem um acompanhamento competente sobre os projetos, os contabilizam de forma correta e mantêm as contas reconciliadas.

Infelizmente algumas empresas acabam não controlando e contabilizando adequadamente os seus projetos  causando problemas e por vezes gerando ressalvas, ou quando menos graves, recomendações nos relatórios de auditoria.

 

Job Cost Accounting – Contabilidade por Ordem de Trabalho

A literatura internacional aponta o uso do Job Cost Accounting para o controle e contabilização de projetos.  O Job Cost Accounting consiste em criar um serie de relatórios de acompanhamento dos custos do projeto que devem ser apresentados comparativamente com os valores orçados.

O controle sobre projetos começa antes dos projeto ser iniciado e continua após o projeto ser concluído.

 

 

 

 

Exemplo de um relatório de acompanhamento de projeto:

Projeto referente – Bla – Bla _ Bla

Numero : XXXXXXXXXXXX

Conta Contábil:

Saldo do Projeto em :

Mês

Descrição

Valores

% de Execução

Data

Previsto

Real

Variação

Previsto

Real

Variação

set/14

1500

1200

-20%

8%

5%

out/14

1500

2000

33%

8%

8%

nov/14

1400

1350

-4%

7%

6%

dez/14

2000

1970

-2%

10%

8%

jan/15

1000

1599

60%

5%

7%

fev/15

1500

1433

-4%

8%

6%

Acumulado

8900

9552

7%

45%

40%

Total do Projeto

20000

24000

20%

100%

100%

Vejam que o relatório mostra que até a data houve um gasto acima de 7% do previsto, porem com um porcentagem de execução 5% inferior ao previsto.  O projeto tende a gastar mais e a demorar mais para ser concluído. Relatórios simples porem bem construidos e com números reconciliados são essenciais no controle contábil dos projetos.

Start Up do Projeto

Start up significa o projeto entrar em operação. Na fase de operação dos projetos é importante comparar os resultados do projeto com os resultados previsto que  normalmente  são considerados para efeito de elaboração da viabilidade econômica do projeto.

No Project Accounting para projetos significativos é recomendável que se abra uma conta contábil específica para cada projeto. Mensalmente deve-se reportar os débitos nessa conta, bem como avaliar a porcentagem de execução do projeto sempre comparativamente com números planejados.

Para grandes projetos é comum as empresas admitirem gerentes de projeto. Os gerentes dos projetos administrarão a execução dos projetos e terão responsabilidade para que os valores alcançados estejam próximos aos valores reais.

Para projetos de longa duração ( mais de 1 ano ) existem práticas específicas para reconhecimento das despesas e receitas, quando houver,  que normalmente é reconhecida de forma proporcional à porcentagem do projeto executada, além de também se responsáveis pelo  cumprimentos dos prazos e padrões de qualidade planejados.

Projetos podem assumir proporções enormes. Cito alguns casos: construção de um estaleiro, projetar e construir uma plataforma de petróleo ou até mesmo a construção de uma nova fábrica.

Incrível que alguns projetos dos quais ouvimos falar apresentarem desvios astronômicos. Boas empresas com gestão eficaz devem justificar cada ponto porcentual de desvio nos projetos.

Pontos de atenção nos projetos:

1- Reconhecimento das receitas do projeto conforme porcentual estimado de execução da obra no casio de projetos de longa duração ( mais de um ano ).

2- Contratos com terceiros contratados para execução do projeto

3- Fluxo financeiro do projeto

4- Faturamento do projeto

5- Start up do projeto

6- Conciliação das contas que o projeto envolve

7- Contratação de seguros

8- Análise de risco

9- Impacto em meio ambiente

10- Licenças e autorizações

11- Estudo de viabilidade econômica financeira

12- Contabilização envolvidas após finalização do projeto

13- Comprovação das premissas consideradas no projeto após projeto entrar em fase operacional.

14- Contratar fornecimentos de forma a evitar fraudes incluindo propinas e o outros favorecimentos.

 

 

Tipos de projetos

Projetos podem ser dos mais variados tipos. Seguem alguns exemplos:

1- Projetos de construção de uma nova unidade

2- Projetos que envolvem vendas, como por exemplo a venda de um navio

3- Projetos de instalações e equipamentos que serão considerados como ativo fixo.

 

Problemas frequentes com relação ao tratamento contábil de projetos:

– Projetos considerados em andamento mas com terminados porém parados em contas contábeis.

– Projetos com débitos transferidos de umn projeto para outro para não mostrar variações ocorridas.

– Falta de detalhamento contábil suficiente.

– Falta de reconciliação.

– Deficiência nos controles internos para contreole dos projetos

– Medições deficientes não demonstrando claramente as porcentagens de execução dos projetos.

No Project Accounting é fundamental atender as normas contábeis, no Brasil os CPC´s, no caso das multinacionais além dos CPC´s as normas FASB ou IFRS deverm ser atendidas.

Projetos são elementos de alta complexidade que requerem uma contabilidade de primeira linha. Bons profissionais da área contábil e de outras áreas envolvidas devem estar a par dos procedimentos e boas práticas para gestão e controle dos mesmos.


Esta postagem está contida no Ebook Papo de Controller